Seja bem-vindo

A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil funciona desde 15 de março de 2000, na cidade catarinense de Joinville. É a única filial do famoso Teatro Bolshoi da Rússia.

Proporciona a formação de artistas da dança, ensinando a técnica de balé segundo a metodologia Vaganova, dança contemporânea e disciplinas complementares. Com alunos vindos de diferentes estados brasileiros e do exterior, a instituição ressalta o seu compromisso social, ao conceder 100% de bolsas de estudo e benefícios para todos os alunos. Uma Seleção acontece todos os anos para o ingresso de novos bailarinos.

A Escola é uma instituição com personalidade jurídica, de direito privado, sem fins lucrativos, que tem apoio da Prefeitura Municipal de Joinville e é mantida pelo Governo do Estado de Santa Catarina e pelos chamados “Amigos do Bolshoi”, a Caixa Econômica Federal é a maior patrocinadora, na categoria Diamante.

1996 a 1999

Tudo começou quando em 1995, para que outras nações tivessem oportunidade de conhecer a metodologia aplicada na Rússia, o diretor artístico do Teatro Bolshoi, Alexander Bogatyrev, idealizou um projeto que reproduzia as mesmas características da Escola Coreográfica de Moscou.

Em 1996 a Cia. do Teatro Bolshoi realizou uma turnê no Brasil e Joinville foi incluída no programa. O espetáculo ocorreu no 14º Festival de Dança de Joinville. Os russos ficaram impressionados com a receptividade do público e a reverência da cidade diante da arte. Depois disso, o russo Bogatyrev esboçou propostas para montar uma unidade da Escola no país, contemplando questões como a aplicação da metodologia, seleção de professores e alunos, estrutura física necessária.

Em 1998 o idealizador Bogatyrev faleceu. Mas seu legado era consistente: o esboço do projeto estava concluído e foi apresentado para prefeitos e diretores de instituições de ensino do Brasil. O prefeito de Joinville na época, Luiz Henrique da Silveira, comprometeu-se no desenvolvimento da proposta. No dia 20 de julho de 1999, na abertura do 17º Festival de Dança de Joinville, Alla Mikhalchenko, primeira bailarina do Teatro Bolshoi, assinou o protocolo de intenções com o prefeito. Entre os fatores decisivos para a escolha de Joinville estava a profunda ligação da cidade com a dança, em função de seu tradicional festival. Além disso, o então prefeito empenhou-se pessoalmente nos processos institucionais entre o Brasil e a Rússia e disponibilizou uma área de aproximadamente 6 mil metros quadrados no Centreventos Cau Hansen, para instalação da sede.

2000

A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, localizada no norte de Santa Catarina, na cidade de Joinville, teve sua inauguração no dia 15 de março de 2000, e foi marcada pela presença do diretor do Teatro Bolshoi Vladimir Vasiliev, o prefeito de Joinville Luiz Henrique da Silveira, além de autoridades, artistas e comunidade. Vladimir Vasiliev e Luiz Henrique da Silveira tornaram-se os patronos fundadores da instituição. Pela primeira vez, nos 224 anos de história, o Bolshoi de Moscou transferiu a outro país o método de ensino de balé que o tornou uma das mais respeitadas instituições do mundo. Com a  missão de formar artistas-cidadãos, promovendo e difundindo a arte-educação, a Escola Bolshoi garante o acesso de crianças ao mundo da cultura e amplia seus horizontes. 

2001

Com apenas um ano de atividades, aconteceu a estreia do primeiro espetáculo: I Mostra Didática de Dança. Pela primeira vez, alunos participaram de uma produção cênica que, além de proporcionar a eles vivência do palco, serviu também de complementação didática. Passo a passo, os alunos experimentaram sua evolução compartilhando-a com o público. A associação entre palco e sala de aula esteve presente no espetáculo que, ao encenar o dia-a-dia dos bailarinos, procurou não só reforçar o caráter didático da apresentação como também mostrou os encantos do aprendizado. A Mostra foi composta por exercícios de barra, centro e estudos coreográficos, nos quais estavam incluídas modalidades como as danças populares russas.

2002

Neste ano aconteceu a primeira Exposição Fotográfica da Escola Bolshoi no Teatro Bolshoi em Moscou, contando com as presenças do presidente Fernando Henrique Cardoso e do ministro russo da Cultura, Mikhail Shvydkoi.  Nos palcos, a I Mostra Didática rodou o país com uma série de apresentações e uma delas, acontece no Festival de Dança de Joinville. A primeira apresentação artística da Escola Bolshoi no Festival.

2003

O ano de 2003 ficou marcado pela primeira apresentação internacional da Escola, pelo recorde de público em um espetáculo e pela consagração de uma aluna que realizou o primeiro estágio profissional no Teatro Bolshoi de Moscou.

A apresentação internacional aconteceu em Magdeburg, na Alemanha. O recorde de público aconteceu na cidade de Teresina/PI, onde 22 mil pessoas assistiram a I Mostra Didática, que foi realizada em um campo de futebol. A aluna da Escola Bolshoi, Raquel Steglich, protagonizou o primeiro estágio profissional de uma brasileira com o Teatro Bolshoi de Moscou.

2004

Neste ano, aconteceu a segunda apresentação internacional da Escola Bolshoi, dessa vez, na Itália. Num cenário paradisíaco, com mar rodeado por montanhas, a atenta plateia expressou suas emoções com lágrimas e aplausos calorosos. O núcleo musical da instituição lançou também seu primeiro CD, por meio de quatro pianistas: Delma Nicolace, Eduardo Boechat, Natalia Yastrebova e Pavel Kazarian. “Música para aulas de Ballet”, que foi distribuído gratuitamente a Escolas de Dança do país para possibilitar a artistas e professores o acesso à música, composta para aulas de balé para turmas iniciantes.

2005

A Escola Bolshoi realizou o primeiro intercâmbio cultural e educacional com a Rússia. Em 2005, 21 alunos da instituição viajaram ao país para conhecer os costumes e tradições. Neste ano, Mariana Gomes foi a segunda brasileira a conquistar a oportunidade de estagiar no Teatro Bolshoi de Moscou.

2006

Um ano histórico para o Bolshoi Brasil. Pela primeira vez, os alunos brasileiros dançaram na sede mãe, o Teatro Bolshoi de Moscou. A Escola Bolshoi realizou também sua terceira apresentação internacional na Rússia. Foram três apresentações, sendo uma delas, no palco do Teatro Bolshoi. A Escola estreou a suíte do Ballet “O Quebra-Nozes”, com a assinatura de Vladimir Vassiliev. Mariana Gomes se torna a primeira brasileira contratada pelo Teatro Bolshoi.

2007

Em 2007, aconteceram duas estreias marcantes para a Escola Bolshoi: o ballet “Les Sylphides”, também com o nome de “Chopiniana”, do russo Mikhail Fokine, em 1909, e na Escola Bolshoi com versão coreográfica da russa Galina Gravchenko, ex-bailarina do Teatro Bolshoi de Moscou e mulher de um dos maiores intérpretes desse balé, Alexander Bogatyrev. A outra estreia foi a Grande Suíte do Ballet Don Quixote, assinada por Vladimir Vassiliev, patrono fundador da Escola Bolshoi e bailarino do século. Esta apresentação foi marcada de muita emoção, protagonizada pelos primeiros formandos da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil. E ainda neste ano, alunos da Escola Bolshoi foram convidados pelo bailarino Mikhail Barishnykov para se apresentarem no dia de abertura do Festival de Dança de Joinville, junto com sua companhia. Os representantes da Escola apresentaram a Dança Francesa Pas-de-trois do II Ato do Ballet “O Quebra-Nozes”.

2008

Este ano ficou marcado pela criação da Companhia Jovem Bolshoi Brasil. Com o crescimento da Escola Bolshoi ao longo dos anos, foi possível formar uma Companhia Jovem e criar a oportunidade do primeiro emprego para os talentos formados na instituição. Outro acontecimento marcante foram as apresentações da Grande Suíte do Ballet “Don Quixote” pelo Brasil. O espetáculo aconteceu no Rio de Janeiro, Porto Alegre, Curitiba e em Joinville, na noite de Gala do 26º Festival de Dança, e contou com a participação de solistas do Teatro Bolshoi de Moscou, interpretando os personagens principais do ballet Don Quixote, junto com os alunos da Escola no Brasil. Os bailarinos Natalia Osipova e Andrey Bolotin foram ovacionados pela plateia.

2009

A Cia. Jovem Bolshoi Brasil faz sua estreia internacional: Uruguai foi o palco dos jovens bailarinos. Neste ano aconteceu também a remontagem de outra grande obra clássica, o ballet “Giselle”. Vladimir Vassiliev esteve no Brasil para dar inicio a nova versão coreográfica. Bailarinos do Teatro Bolshoi de Moscou, Galina Stepanenko e Vladimir Neporozhniy e Ekaterina  Krysanova e Andrey Bolotin participam da Grande Suíte do Ballet “Don Quixote” em apresentações com a Escola Bolshoi, estreitando ainda mais o laço cultural entre o Brasil e a Rússia.

2010

Em dez anos, muitos fatos marcaram a história e momentos inesquecíveis foram eternizados. No seu décimo aniversário, para celebrar essa importante data, três dias de grandes espetáculos foram realizados no Centreventos Cau Hansen, em Joinville, Santa Catarina. As apresentações foram protagonizadas pelos alunos da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil e por solistas do Teatro Bolshoi de Moscou, Natalia Osipova e Ivan Vasiliev. Mais de 200 bailarinos subiram ao palco para essa comemoração, divididos em 3 noites de espetáculos. Cerca de 9 mil pessoas lotaram a plateia durante as 3 noites. O aniversário marcou a estreia do ballet “Giselle”.

Na noite do dia 15 de março, o diretor geral do Teatro Bolshoi de Moscou, Anatoly Iksanov, participou da cerimônia de abertura das comemorações dos 10 anos e assinou a renovação do contrato com a Escola Bolshoi. A vinda do diretor russo foi um marco, e oficializou o reconhecimento ao trabalho realizado pela instituição brasileira. O texto do contrato ressaltou o interesse dos dois países no incremento do intercâmbio cultural, educacional e esportivo visando o estreitamento das relações entre as instituições. A assinatura do documento foi a comprovação de que a Escola Bolshoi utiliza a metodologia russa de forma adequada e de que está cumprindo com todas as exigências feitas pelo Teatro Bolshoi de Moscou.

Outro momento marcante foi a Noite de Gala do 28º Festival de Dança de Joinville, que teve o brilho e o romantismo do ballet “Giselle”, apresentado pelos alunos da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil e convidados: a participação dos bailarinos do Teatro Bolshoi de Moscou, Marianna Ryzhkina e Andrei Uvarov. 

2011

Ano marcado pela contratação dos primeiros bailarinos formados na Escola Bolshoi pelo Teatro Bolshoi de Moscou. O ano foi também repleto de espetáculos e acarretou na vinda de outros solistas e primeiros bailarinos do Teatro Bolshoi de Moscou, que participaram de ações com a Escola no Brasil. Andrey Bolotin, foi o personagem Basílio de Don Quixote, por duas vezes. As bailarinas Joo Yun Bae e Mariana Gomes, ex-aluna da Escola Bolshoi, protagonizaram a personagem Kitri. A Cia. Jovem Bolshoi Brasil fez turnê pelo Nordeste, levando a arte da dança à quatro cidades.

A Escola realizou também o 5º espetáculo internacional na Inauguração do Auditório Oscar Niemayer, em Ravello, na Itália. Em 2011, O Bolshoi Brasil tornou-se uma instituição consolidada tendo a sua importância ressaltada no Plano de Ação Brasil Rússia. Neste documento o vice-presidente do Brasil, Michel Temer, que participou da V Reunião da Comissão Russo-Brasileira de Alto Nível de Cooperação – Moscou, junto com o Presidente da Federação da Rússia, Vladimir Putin, salientaram que o fortalecimento da Parceria Estratégica Bilateral constitui uma das prioridades de suas políticas externas. Os líderes também assinaram uma Declaração Conjunta que manifestava a disposição de prestar todo o apoio a iniciativas de cooperação cultural e ressaltaram a importância da atividade da Escola do Teatro Bolshoi em Joinville.

2012

Em 2012 a Escola Bolshoi Brasil e a sua Cia. Jovem difundiram a arte da dança para um público de 80 mil pessoas, com 64 espetáculos em turnês, congressos, festivais, feiras e eventos empresariais. Foram 17 cidades, em 12 estados brasileiros que receberam ações da instituição como workshops e espetáculos gratuitos de formações de plateia.

 E pela primeira vez, alunos e bailarinos da Escola Bolshoi dividiram o palco com a bailarina Cecília Kerche. Aconteceu na estreia do III Ato do Ballet Raymonda, que contou também com a participação do ex-aluno da Escola Bolshoi, Denis Vieira, durante a Noite de Abertura do Festival de Dança de Joinville. A Cia. Jovem fez novamente uma turnê pelo Nordeste, onde desta vez, seis cidades receberam o espetáculo Gala Bolshoi.

2013

A Cia. Jovem Bolshoi Brasil realizou duas apresentações internacionais. A primeira em Assunção, no Paraguai e a outra na cidade de Schaffhausen, na Suíça. O processo seletivo da Escola Bolshoi, que acontece anualmente, chegou a um índice recorde de participantes até então: 50 candidatos por vaga. Neste ano aconteceu também a primeira pré-seleção e audição no exterior, na cidade de Assunção, capital do Paraguai.

2014

Pela primeira vez a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil apresentou o ballet “O Quebra-Nozes” completo. Entre as novidades da estreia, estava o cenário, que ganhou projeção mapeada, completa a temática, fazendo com que as imagens entrassem em sintonia com a música e a coreografia. Um amigo do Bolshoi foi fundamental para a estreia deste clássico, que teve versão coreográfica de Vladimir Vasiliev, a Petrobras.

Este ano foi marcado também por várias apresentações, participação em palestras e ações de merchandising, visando estreitar o relacionamento do Bolshoi Brasil com seus patrocinadores.

2015

Os quinze anos da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil foram marcados com a realização dos espetáculos “O Quebra-Nozes” e a Grande Suíte do Ballet “Don Quixote”, com a participação especial de bailarinos e solistas russos do Teatro Bolshoi, Chinara Alizade e Erick Swolkin e Maria Mishina e Alexander Volchkov.

No dia 15 de março, data oficial do aniversário, Anton Getman, vice-diretor do Bolshoi russo, esteve no Brasil para assinar a renovação do contrato entre o Teatro Bolshoi de Moscou e o Instituto Escola Bolshoi, garantindo que as atividades culturais entre o Brasil e a Rússia sejam mantidas por mais cinco anos.

Em 2015 o Ballet Bolshoi, a maior referência em balé clássico do mundo, retornou ao Brasil, depois de 16 anos, em turnê pelo Rio de Janeiro e São Paulo. A Companhia apresentou os espetáculos “Spartacus” e “Giselle”, obras consagradas do repertório clássico. Para compor o elenco de famosos bailarinos, seis alunas da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, foram selecionadas para fazer parte do corpo de baile durante as apresentações do ballet “Giselle”. O ano foi marcado também pelo índice de 70 candidatos por vaga, e todos os estados brasileiros estavam representados.

2016

No ano em que a Escola Bolshoi completou 16 anos de história, 22 estados brasileiros e outros três países estiveram representados pelos 232 alunos da Escola Bolshoi. O ano também foi marcado pelo grande número de pessoas que conheceram a instituição, chegando a aproximadamente 6 mil visitantes. Entre congressos, eventos empresariais e sociais a instituição realizou 52 apresentações artísticas, atingindo um público de 24 mil pessoas. E em 2016 os alunos tiveram momentos de muito aprendizado com grandes nomes da dança, como Ana Botafogo, Claudia Maiole, Elke Siedler, Sandra Meyer, Jussara Xavier e Alejandro Ahmed. Além disso, a bailarina Amanda Gomes, ex-aluna da Escola Bolshoi, ganhou medalha de ouro em uma das competições mais prestigiadas no cenário mundial da dança, “The Varna International Ballet Competition”. A bailarina da Cia. Jovem Thais Diógenes e o aluno da Escola Bolshoi Luiz Fernando Xavier foram condutores da Tocha Olímpica em Joinville/SC, unindo-se à mensagem de paz e união do revezamento. Os nomes foram escolhidos pela cidade, pelos patrocinadores oficiais e pela organização dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Joinville foi classificada pelo Comitê Olímpico como “Cidade Celebração” e a bailarina Thais Diógenes teve a honra de acender a pira olímpica.

1996
2000
2001
2002
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
2013
2014
2015
2016
Valdir Steglich
Presidente Valdir Steglich
Pavel Kazarian
Diretor Geral Pavel Kazarian sup_geral@escolabolshoi.com.br
Célia Campos
Diretora Administrativa e Financeira Célia Campos financeiro@escolabolshoi.com.br
Bernadéte Costa
Coordenadora de Apoio Pedagógico Bernadéte Costa apoioeducacional@escolabolshoi.com.br
Albenize Ballen Bueno
Coordenadora de Comunicação Albenize Ballen Bueno imprensa@escolabolshoi.com.br
Germana Saraiva
Assessora Artística Germana Saraiva artistico@escolabolshoi.com.br
Sylvana Albuquerque
Coordenadora de Produção e Eventos Sylvana Albuquerque producao@escolabolshoi.com.br
Anna Koblova
Anna Koblova
Ariate da Costa
Ariate da Costa
Airat Khakimov
Airat Khakimov
Bruna Lorrenzzetti
Bruna Lorrenzzetti
Denys Nevidomyy
Denys Nevidomyy
Dmitry Afanasiev
Dmitry Afanasiev
Larissa de Araújo
Larissa de Araújo
Ludmila Sinel Nikova
Ludmila Sinel Nikova
Luis Augusto da Rosa
Luis Augusto da Rosa
Maikon Golini
Maikon Golini
Maria Antonieta Spadari
Maria Antonieta Spadari
Sabrina Lermen
Sabrina Lermen
Geovana Peres
Geovana Peres
Kamila Abreu
Kamila Abreu
Germana Saraiva
Germana Saraiva
Arthur Bandt
Arthur Bandt
Cassiano Fayad
Cassiano Fayad
Frederico Bezerra
Frederico Bezerra
Giane Gomes
Giane Gomes
Juan Godoy
Juan Godoy
Fabio de Oliveira
Fabio de Oliveira
Karina de Menezes
Karina de Menezes
Kathleen Gonzalez
Kathleen Gonzalez
Medely Dib
Medely Dib
Semitha Cevallos
Semitha Cevallos
Vanessa Mota
Vanessa Mota
Beatriz Cavalcanti
Beatriz Cavalcanti
Carlos Boeira
Carlos Boeira
Gabriel Lopes
Gabriel Lopes
Geovana Peres
Geovana Peres
Julio Soares
Julio Soares
Kamila Abreu
Kamila Abreu
Lais Lopes
Lais Lopes
Leonardo Branco
Leonardo Branco
Luanna Gondim
Luanna Gondim
Maitê Nunes
Maitê Nunes
Marcos Vinicius Silva
Marcos Vinicius Silva
Marcos Yago
Marcos Yago
Pedro Tayette
Pedro Tayette
Safira Sacramento
Safira Sacramento
Sayron Pereira
Sayron Pereira
Apoio Pedagogico Celicia Langer
Assistente Social Patricia Schweder
Ateliê Eliane da Rosa
Ateliê Galina Orekhova
Ateliê Janisse Maria Damaceno
Artístico Jonas Salvador
Comunicação Adriana Reis
Eventos Rafaela Cardoso Nassri
Comunicação Manuela Schneider
Eventos Ederson Lechinski
Eventos Joseane Tomaz
Eventos Vitória Negherbon
Financeira Luzete Filippi
Ateliê Lavínia Braga
Recursos Humanos Salmo Antonio da Silva
Motorista Sergio Luis de Paula
Adm - Financeiro Simone Silva
Manutenção e limpeza Amauri Damaceno
Recepção Bianca Fernandes
Manutenção e limpeza Elenir Correa Soares
Manutenção e limpeza Rosane Maria da Cruz
Recepção Monica Colin
Manutenção e limpeza Valdinesio Moraes
Manutenção e Limpeza Gabriela de Lima
Manutenção e Limpeza Elaine Soares do Rosário
Manutenção e limpeza Lucineia dos Santos
Manutenção e limpeza Selvana França
Fisioterapeuta Jessica Correa
Fisioterapeuta Gabriela Toniote
Direção Geral Margit Olsen
Refeitório Sonia Felizardo
Refeitório Silvana da Cruz
Refeitório Josiane da Silva
Secretaria Executiva Jancieli Morini

Teatro Bolshoi de Moscou

O Teatro Bolshoi é uma das principais companhias de balé e ópera do mundo. É considerado patrimônio cultural da humanidade pela ONU e UNESCO. O Bolshoi, que em russo significa ”grande”, foi fundado em 1776. Atualmente é conhecido como cartão postal de Moscou, capital da Rússia. O ano de 2011 foi marcado por sua reabertura, após um longo período de reconstrução e renovação.

Grandes nomes como Tchaikovsky, Rachmaninov, Gorsky, Prokofiev, Grigorovich, Vasiliev projetaram o Teatro Bolshoi internacionalmente.

Hoje, com cerca de 1000 funcionários diretos, o Teatro Bolshoi de Moscou realiza 300 espetáculos, por ano, em diversos países, sendo referência na qualidade artística e na produção cultural.

Atualmente o Teatro Bolshoi de Moscou possui quatro brasileiros em sua companhia profissional. Três deles são formados pela Escola do Teatro Bolshoi no Brasil: Bruna Gaglianone, Erick Swolkin e Mariana Gomes.

Diretor Geral – Vladimir Urin
Diretor Artístico – Makhar Vaziev
Assistente de Direção Artística – Galina Stepanenko

Ações Sociais e Culturais

A Escola Bolshoi investe em parcerias voltadas a ações socioeducativas e culturais. Por meio de programas e projetos, insere a comunidade no mundo das artes.

Palestras de Formação

Todo ano, a Escola Bolshoi oferece palestras com profissionais capacitados nas mais diferentes áreas:

1 - Família;
2 - Autoconhecimento, Propósito de Vida e Atitude;
3 - Saúde Bucal;
4 - Alimentação Saudável;
5 - Sustentabilidade;
6 - Prevenção às drogas e violência;
7 - Educação Postural;
8 - Mídia Training;
9 - Incentivo a leitura;
10 - Oficina “Samba de roda de capoeira”;
11 - Respeito e Harmonia;
12 - Workshop de Pilates - Consciência Corporal.

Semana do Idoso

A Semana do Idoso já faz parte do calendário anual da Escola Bolshoi. Dança, música e arte alegram centenas de idosos do Lar Betânia, de Joinville. Cheios de amor para receber e doar, eles renovam as lembranças de infância e principalmente se divertem muito com nossos alunos.

Dia Mundial da Dança

O Dia mundial da Dança é celebrado anualmente pela Escola Bolshoi, com o intuito de fomentar ainda mais o gosto por essa arte. A instituição promove o evento “Todos na Dança”. São aulas de dança clássica, contemporânea e popular brasileira, ministradas por professores russos e brasileiros, para crianças e adultos de todas as idades, para a comunidade de Joinville e admiradores da dança de todo o país.

Formação de Platéia

O espetáculo de formação de plateia abre as portas, gratuitamente, para crianças, adolescentes e idosos prestigiarem a dança. Esta ação gera uma fonte inesgotável de cultura e reflexão, favorecendo uma atuação no mundo mais dinâmica e consciente, propiciando uma empatia entre artista e plateia, despertando para o mundo das artes cênicas. Faz com que cidadãos espectadores tenham a oportunidade de descobrir seu papel social e individual que precisa ser desenvolvido.

Sexta com Arte

O evento já faz parte da rotina da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil. Todas as sextas-feiras são preparadas programações especiais e gratuitas, que beneficiam tanto os alunos e bailarinos como o público que prestigia essa arte. Entre as atividades estão apresentações artísticas, com dança, teatro, música e palestras.

Prestação de contas

Termo de Fomento

Clique para acessar

Edital de convocação para a Assembleia Geral Extraordinária, no dia 31 de agosto de 2016.

Clique para acessar

Edital de convocação para a Assembleia Geral Extraordinária, no dia 15 de março de 2016.

Clique para acessar

Estatuto 6ª alteração – 2012

Clique para acessar

Relatório de auditoria 2016.

Clique para acessar

Escola do Teatro Bolshoi no Brasil recebe Atestado de Qualidade e eficiência dos Conselhos Tutelares dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária, no dia 9 de dezembro de 2015.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária, no dia 27 de agosto de 2015.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária, no dia 25 de março de 2015.

Clique para acessar

Estatuto 6ª alteração – 2012

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária, no dia 20 de março de 2014.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária, no dia 27 de março de 2013.

Clique para acessar

Balancete Analítico – Período 01/2013 a 12/2013

Clique para acessar

Balancete Analítico – Período 01/2012 a 12/2012.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária, no dia 29 de agosto de 2012.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária.

Clique para acessar

Edital de Convocação para Assembleia Geral Extraordinária.

Clique para acessar

Balancete Analítico – Período 01/2011 a 12/2011.

Clique para acessar

Relatório de auditoria de 31 de dezembro de 2011.

Clique para acessar

Balancete Analítico – Período 01/2010 a 12/2010.

Clique para acessar

Relatório de Auditoria de 31 de dezembro de 2009.

Clique para acessar

Relatório de Auditoria de 31 de dezembro de 2008.

Clique para acessar